7

8.1.12

Coração de mãe não se engana!

Hoje, no Minhas Histórias,  vou prestar uma homenagem a minha linda filha, Pantera, que neste dia 08/01/2012, faz um mês que ela nos deixou.

A Pantera chegou em minha vida, através de meu marido. Na época estávamos noivos, quando ele me deu ela de presente. Foi bem no dia dos Namorados.
Com ela, formamos nossa família.

Nos casamos, e ela nos acompanhou.
Quando foi no início de 2011, comecei a  sentir no meu coração que a Pantera iria nos deixar logo. Sentia que ela não chegaria a 2012.
Esse sentimento era tão forte, que até chorava!
Chegava a falar com meu marido sobre isso, mas ele dizia que era coisa de minha cabeça.

Quando foi em Novembro (2011) ela começou a tossir muito. Chamamos o veterinário e por quinze dias fez um tratamento contra bactéria e vírus. Mas a tosse não passou, daí foi feito um raio-x do tórax e foi constatado que a Pantera estava com inúmeros nódulos no pulmão (metástase) e que não tinha mais chances de vida.
Foi pedido uma segunda opinião médica, mas o resultado foi o mesmo.

Resumindo.

A Pantera viveu exatamente 14 dias após a descoberta de sua doença.
Mesmo sabendo que ela não teria chances de viver, cuidamos e tratamos ela.
Não dormíamos mais a noite, pois eram muitos remédios que ela passou a tomar, e ela precisava de alguns cuidados.
Tinha uma cesta de remédios só pra ela.

Meu marido, não aceitava em hipótese alguma que a Pantera não iria resistir.
Muito menos falar em eutanásia.
Eu já tinha aceitado fazer a eutanásia, mas precisava também da aprovação dele.

Na noite dia 07/12/11 ela começou a piorar, piorar...
Ela tinha o quarto dela, mas naquela noite ela não conseguiu dormir nem dentro de casa. Dormiu na porta da cozinha, por falta de ar.
E naquela noite, eu e meu marido amanhecemos orando e pedindo á Deus que Ele levasse ela com Ele.

Ela amanheceu com hemorragia (porque o câncer dela estava já, por todo o corpo). Liguei para o meu marido e comentei como ela estava. Daí naquele momento ele aceitou a eutanásia.
Liguei para o Dr. e já tinha conversado com ele, que se precisasse fazer, eu e meu marido queríamos que fosse feito em casa e no quarto dela.
Marquei a eutanásia pras 13:00 daquele dia.
Mas durante a manhã então, passei conversando com ela o tempo todo.
Dizia pra ela que a tarde ela estaria sem dores, e feliz! Num lugar lindo...

Precisei urgentemente ir no mercado, e quando ela saiu fora no quintal, aproveitei para ir. Antes fui conversar com ela, que estava sentada na porta da cozinha.

Disse:
-Meu amor! A mamãe vai precisar ir no mercado, mas daqui a pouco já estou aqui.
-Espera aí,  que já volto. Mas se você quiser partir, pode ir meu bem. A mamãe e o papai vai chorar muito! -Vamos sentir muito a sua falta. Mas vamos entender que você já está cansada e precisa ir.
-Nunca vamos deixar de te amar. Você sempre será nossa filha.
-Vá em paz! Onde você vai, vai ter muitos amiguinhos pra brincar com você. Amiguinhos que a mamãe não pode te dar.
 -Você ficar muito feliz e de lá, você vai nos ver.
-A mamãe e o papai te ama.

Amigas, dei um abraço nela e fui ao mercado. Foram aproximadamente sete minutos. Quando voltei, ela estava morta.
Mas naquele momento agradeci á Deus, por ter ouvido nossas orações.
Ela faleceu por volta 10:30 da manhã.

Só tenho uma coisa pra dizer á vocês que a saudade dói muiiiito.
Todos os dias choramos de saudades dela.
Tem hora que parece ser insuportável a dor.
Não temos mais a Pantera,  pra nos dar boa noite e nem bom dia.
Tudo mudou em nossas vidas!
Na virada do ano, passamos chorando por ela.
Onze anos que passamos com ela, foram onze anos de alegria.
Não lamentamos a morte dela, porque ela está muito bem.
A tristeza  é da saudade que fica.
E como coração de mãe não se engana, ela não chegou a 2012.

Ela nos ensinou muita coisa. O que é o amor!

Por isso tenho certeza que ela foi um anjo em nossa vida.

Adotamos o Max, um cão adulto. Ele está com algumas dificuldades de se adaptar conosco. Mas tenho fé que com o tempo, ele se adaptará bem.
Ele é um fofo!
A vida tem que continuar, e a família também.
Mas agradeço é todos que oraram por nós e que ainda oram.
Deus abençoe!


     "... Minha florzinha, te amaremos pra sempre! ..."

20 Comentários :

  1. aiii querida, desejo que vc tenha muita força... eu sei o que vc está sentindo, minha sogra faleceu no dia 9/12.

    amanhã fará 1 mês tb.

    sua cachorrinha(filha) deve estar em um lugar muito bom.

    eu tenho uma cachorrinha tb que amo de paixão, ela é como se fosse minha sobrinha.

    beijão...

    ResponderExcluir
  2. Silmara, chorei e estou chorando muito com este post... tb tenho uma filhota de 11 anos, a Zel, uma fox paulistinha...está com diabetes há 1 ano, toma insulina tds os dias, pesando 4 kg (pesava 10 kg)... eu e meu marido amamos nossa filhotinha, fazemos o q podemos para q ela se sinta bem. Sei q ela não deve ir muito longe, pois a doença dela debilita os órgãos pouco a pouco. Por isso mimo ela td minuto q ela está com a gente, pois qdo ela se for quero ter pelo menos e conforto de saber q amei e fui amada pela minha linda cachorrinha o tempo td de vida dela.
    Bjsssssssssssss, q a Pantera esteja em um lugar lindo perto e dentro do seu coração...pra sempre!!!

    ResponderExcluir
  3. Tenha certeza minha amiga de que ela sempre soube desse amor,um amor muito lindo que fez vocês lutarem por ela até o último momento.
    Fiquem em paz,a Pantera está bem e feliz e é assim que ela de onde está quer ver vocês também.
    O Max nunca substituirá o lugar da Pantera, mas com certeza é um anjo que Deus colocou em sua vida pra ajudá-los a seguir em frente.
    Beijo grande!

    ResponderExcluir
  4. Oi amiga força,apesar de estar chorando ao ler sua homenagem,como lhe disse tb perdi um identico a ela eu so de pensar nele kase morro,sei o quanto doi, eles sempre ficaram na memoria,jinhosss

    ResponderExcluir
  5. OLÁ QUERIDA!
    COM CERTEZA A PANTERA ESTÁ BEM, E ELA FOI MUITO FELIZ AO LADO DE VCS.
    FICA A SAUDADE E AS BOAS LEMBRANÇAS, SEI QUE NÃO ESTÁ SENDO FÁCIL P/ VCS POIS O VAZIO É GRANDE IMAGINO.
    ENTÃO AGORA VCS TEM UM GAROTÃO? LEGAL!
    FICA COM DEUS!
    BJS..♥

    ResponderExcluir
  6. AIIIIIIIIIIIIII amada estou em lastimas com sua história, pois tenho uma gatinha que é xará da sua linda filha, mas é tão doido a perca deles, no começo do ano passado em março/2011, perdi meu gato Lion irmão da Pantera, perdi por causa de susto, que no qual ele teve.Mas enfim sei bem o que é o sofrimento de nossos filhos caninos e felinos. Mas creia eles estarão um dia conosco no paraíso.
    Força amada vamos orar por vcs.

    Mariza Maravilha

    ResponderExcluir
  7. Sei bem como é...ainda não me habituei à saudade de estar sem o meu Max... vai fazer 3 meses dia 13.
    Esta homenagem foi linda e as minhas lágrimas teimam em cair pensando no meu lindo Max.
    bjs e força, sei como doi

    ResponderExcluir
  8. Oi querida linda e emocionante homenagem, espero que as lembranças boas ti de muita força nesse momento difícil e que bom que a familía ganhou um novo integrante ótima semana bjs!

    ResponderExcluir
  9. ... É... estou sem palavras porque eu consigo imaginar a dor de perder um membro da família! Lá em casa somos 3: o marido, eu e a filhota - nossa linda, amorosa Cindy.
    Sei que ela ainda viverá muitos anos conosco, pois ela tem só 2 anos e meio é de porte pequeno... Mas, apesar disto, sempre me entristeço demais ao pensar que um dia ela irá nos deixar.
    Sinto muito pela sua Pantera! Mas, console-se ao saber o que você mesma disse para ela: Ela está em um lugar melhor, um lugar em que ela não terá mais dor e sofrimento. Só alegrias!
    ... e ela também estará em um lugar mais do que especial, que é o seu coração!

    Fique bem, ok?
    Beijo grande e abraço apertado!!!

    ResponderExcluir
  10. smiga com certeza ela foi muito feliz e amada
    e vc é uma guerreira
    saibba que tenho muito carinho por vc né
    eu fiz frango assado com queijo gouda e esta divino vai lá pegar seu pedaço ..a receita é facinho
    bjokas
    boa semana

    ResponderExcluir
  11. Me emocionei...é impressionante como temos amor a esses bibhinhos tão fofos! Pena que não eternos...
    Passei pra conhecer seu blog e já fiquei por aqui!
    Bjus
    Talita
    aventurasdatalitanacozinha.blogspot.com

    ResponderExcluir
  12. Dói e dói muito. Perdi o meu em julho do ano passado e ainda choro quando lembro dele. Ele adoeceu e morreu nos meus braços... Até hoje sinto uma dor indiscritível sempre que lembro disso...
    Bj

    ResponderExcluir
  13. Anônimo10.1.12

    Tadinha tão linda,você nunca vai esquecer é da família,estou passando o mesmo.Perdi 2 faz 1 ano.

    ResponderExcluir
  14. Oi Sil, que tristeza, eu compreendo perfeitamente o que sentes,também perdi em 2011 um companheirinho de 17 anos, morreu poucos dias antes de fazer aniversário, também com câncer, o Bandy nasceu em nossa casa, filho de uma cachorra que ganhei do marido pouco tempo depois de casada e não conseguia engravidar, mas tenho certeza que tanto meu Bandynho como a tua Pantera vieram ao mundo com um objetivo e cumpriram fielmente, foi o de trazer mais alegria e felicidade aos nossos lares. Fica em paz e que este teu novo filho te traga muitas alegrias. Beijos!!

    ResponderExcluir
  15. Oi Silmara,como vc tá?tem um tempinho que não passo por aqui...que triste o que aconteceu com vc´s,nosso sexto sentido não falha mesmo!mas garanto que ela está em um lugar bem lindo e sempre olhando pra vc´s.Tb tem um Pantera,ela já está com 8 anos uma vira lata,muito levada por sinal!O Max vai trazer a alegria p seu lar novamente!fica bem,
    bjs, e um feliz 2012!

    ResponderExcluir
  16. Aparecida21.1.12

    Silmara, conheci seu blog hoje, amei as dicas de decoração,as receitas, tudo, não consegui segurar as lágrimas com a história da Pantera, já passei por isso algumas vezes e sempre sofro demais, o meu sonho sempre foi ter uma collie, a primeira foi embora com 6 meses e a segunda com 10 anos, mas só depois que eu me despedi, como vc fez, ela estava sofrendo muito, mas todo mundo dizia que eu segurava ela aqui. Mas foi triste demais.Não consigo ficar sem meus filhotes peludos em casa e assim vamos levando a vida. Fica com Deus. Bjos.

    ResponderExcluir
  17. Meu amor!
    Hoje faz 03 meses que você se foi.
    Esses 03 meses tem sido de muita dor e saudades de ti.
    Você faz muita falta entre nós.
    Choramos muito.
    Você continua sendo a nossa filhinha amada.
    Sempre vou ao seu quarto olhar onde você dormia. Fico chorando lá.
    Mas o que fazer né?
    Foi melhor assim.
    Arrumamos um irmãozinho pra você. Ele é tão peralta!
    Cuidamos dele bem, igual cuidávamos de você.
    Não pudemos te der um irmãozinho antes, mas te demos agora. Em breve, vamos arrumar uma irmãzinha.
    Daí eu e o papai, teremos três filhos: Você (que foi morar com o Papai do Céu), o Max seu novo irmãozinho, e a próxima que ainda virá.
    Estou escrevendo chorando de saudades.
    Eu e o pai te amaremos sempre. Sempre! Minha flor...

    ResponderExcluir
  18. Ai Silmara ler o que você conversou com ela antes de falecer e todo o seu sentimento por ela me deixou muito emocionada. Perdi o meu cão esse mês e a dor ainda está muito grande. Lembro de cada coisa que ele fazia... meu coração dói de pensar que não verei mais ele.
    Esses bichinhos são mesmos amigos fiéis né?
    Parabéns pelo gesto com o Max e que tudo continue dando certo! Deus abençõe você e sua família!
    Beijos

    ResponderExcluir
  19. Que saudade que tenho de você, minha flor! Até hoje choramos por você.

    ResponderExcluir
  20. 3 anos já se passaram e a dor da saudade aumenta.

    ResponderExcluir